segunda-feira, 17 de agosto de 2015

Maratona Porto 2015

Caros amigos, aproxima-se a data para começarmos a treinar para a Maratona do Porto. Irá ser postado aqui um link para o plano de treinos para aqueles que pretendam seguir algumas orientações básicas de treino para a maratona, sem entrarem desnecessariamente em grandes exageros.

Haverá sempre 2 planos de treino. Um para os mais aventureiros a rondar as 3h30. Outro para aqueles que se sintam mais desconfiados, entre 3h50 e 4h. Entre um e outro plano, no essencial, o que os irá diferenciar será sobretudo o ritmo das séries e o treino rápido do domingo.

O plano de treinos é simples, tem indicação do tempo de corrida 01:00:00 corresponde a uma hora,  00:30:00  corresponde a meia hora. o ritmo é referenciado assim  00:05:40, e corresponde a 5 minutos e 40 segundos por Km.

É preciso ter em atenção que o ritmo serve de orientação, uma vez que temos sempre que ter em consideração o local onde corremos, se for na estrada rola-se mais rápido que no Parque. Contudo, não devemos andar todos os dias na estrada, ou lá vão as canelas...

É preciso sabe ouvir o corpo, se o plano indica um determinado ritmo, mas se nos sentimos cansados, é preferível andar mais lento do que tentar cumprir o plano.

O plano consiste em 10 semanas, mas vamos fazer 11, repetindo duas vezes a semana um, para todos se adaptarem e saberem o que os espera.

Terá interesse para todos se o pessoal se conseguir organizar para fazer os treinos de séries e o treino longo de domingo em conjunto. No treino de séries temos como hipóteses fazermos a séries no parque de baixo (junto aos prédios), mas seria importante se conseguisse-mos ir algumas vezes à pista, é diferente e todos  iriam gostar.

É PRECISO FAZER ALONGAMENTOS NO FINAL DOS TREINOS.

É OBRIGATÓRIO HIDRATAREM-SE DURANTE E NO FIM DOS TREINOS.


              MARATONA 3H30                                               

             MARATONA 3H50
















domingo, 12 de julho de 2015

Conclusão da época 2014/2015

As últimas semanas foram tempos de muita azáfama.
 Muitas provas, muitos treinos, muitas inscrições, muito trabalho e muitas preocupações. Corridas  de S.João e S. Pedro, Corrida das Taipas, Meia de Guimarães e as “feirinhas”pelo meio carregadas  de gente, com os atletas do NAT sempre na linha frente.

O NAT de hoje é uma respeitada associação de Guimarães, fruto do esforço, da participação e dedicação dos nossos sócios em prol desta coletividade. Somos reconhecidos e valorizados na Vila das Taipas e pelo município de Guimarães. Somos aplaudidos quando, suados e com cara sofrida, passamos a correr aos bandos a seguir ao tiro de partida. Temos presença assídua nos jornais, fruto dos resultados obtidos pelos nossos atletas, filhos e pais.

O NAT de hoje tem sócios que se empenham por esta associação, desprovidos de qualquer galardão, disponibilizam-se para trabalhar de alma e coração. Não esperam recompensas nem públicos elogios. Por vezes, ainda recebem alguns assobios.

O NAT de hoje marca  presença na Gala de Mérito Desportivo de Guimarães. Temos atletas que ganham provas, temos atletas que participam e dão o melhor de si, temos quem participa pelo simples gosto da corrida ou caminhada. Não temos “craques”, vedetas ou quenianos naturalizados, contudo, estamos sempre à espreita dos bons resultados. Do último ao primeiro cabemos todos pelo meio.

O NAT de hoje é a coletividade de Guimarães com mais atletas a participar na Meia da nossa cidade, o que nos enche de orgulho e vaidade.
A nossa Corrida das Taipas, este ano, teve maior visibilidade. Com a transmissão na RTP2, chegaram mais longe as nossas camisolas, os nossos patrocinadores e as performances dos nossos corredores.
As nossas “Feirinhas”,  mais uma vez, foram um grande sucesso. Fruto de um empenhado grupo de trabalho liderado pelo nosso Presidente, proporcionaram grandes momentos do convívio a toda a gente. O  NAT é diferente .

Parabéns aos sócios destacados para trabalhar nas Feirinhas pelos excelentes pratos confeccionados. Parabéns aos sócios que deram o importante contributo da sua presença, aos sócios que confeccionaram alimentos na sua habitação, oferecendo-os à nossa barraca, aumentando assim a nossa faturação. Para os que não puderam comparecer, perderam uma oportunidade de muito convívio e bem comer.

O nosso aniversário foi comemorado como habitualmente na Srª da Sáude.  Comemos e cantamos, bebemos e dançamos, fomos dormir consolados. Alguns, ainda meio ensonados, lá se levantaram e arrastaram até à Póvoa de Varzim, sem medo, para mais uma corrida de S.Pedro.

Já temos uma sede. Apesar de pequena e modesta é um importante argumento, encaramos o futuro com contentamento. 
Os artistas na Meia de Guimarães 2015. Alguns que faltam na foto estavam já em concentração para a prova...


Fotos Meia Guimarães

Fotos Aniversário do NAT


quarta-feira, 20 de maio de 2015

Meia da Régua 2015


No cumprimento da tradição, o NAT deslocou-se à Régua para participar na mais bela Meia Maratona do mundo. Com a nossa camioneta empanturrada de atletas e caminhantes, foi a primeira a sentir a responsabilidade da prova e tremeu durante a viagem, notando-se claramente que padecia do mesmo mal da maioria dos atletas do NAT, não se sentem bem a subir e, inexplicavelmente, conseguem correr todos mais facilmente a descer. 
Tratados como VIPs  e apesar da idade avançada da nossa camioneta, esta levou-nos diretamente para a meta. Assim, não sofremos o tormento do ano passado, quase obrigados a lutar por um lugar no comboio para nos levar à partida.

Como já se previa o calor não iria faltar. Sempre mais precavidas, as nossas mulheres lá se esfregaram com o protetor solar, evitando assim mais um escaldão. Os homens, na sua maioria terminaram a prova com a marca da camisola cravada nos ombros, como habitualmente acontece por estas bandas.
O Abílio com  1h12 foi o primeiro do NAT a dar o corpo às balas. Com alguns atletas lesionados, alguns coxos e outros a mancar, e apesar deste mar de gente, a armada do NAT por onde passa não deixa ninguém indiferente. Foi um bom ensaio para as competições que se avizinham, a nossa prova nas Taipas, a Corrida de S. João e a Meia de Guimarães.


Foto de família
Sempre bem dispostos
Em descontração total
Não foi mau, 1h12....
A Lurdes com guarda de honra
Pois é...acontece...
Estes cromos até parecem que estão em competição
Tudo bem disposto...
O amor anda no ar  ...
Parece um casal de namorados ..
Um beijo de agradecimento ao treinador....

MAIS FOTOS




quarta-feira, 29 de abril de 2015

10ª Corrida Caldas das Taipas

A 10ª Corrida Intermarché Caldas das Taipas vai realizar-se no próximo dia 7 de Junho de 2015.


Pode inscrever-se em - www.corridacaldasdastaipas.pt , onde tem toda a informação referente à nossa prova, prémios e regulamento.  Pode também, optar por fazer a inscrição diretamente na Junta de Freguesia de Caldelas – Caldas das Taipas.

Compareça, não deixe de fazer parte desta festa






quinta-feira, 16 de abril de 2015

Estafeta Cascais Lisboa

Com Lisboa no horizonte, partimos para mais uma prova à medida exata dos nossos atletas, conscientes que nos esperava um fim-de-semana penoso, mas de muito  gozo. O passeio anual do NAT, este ano, foi diferente.  A nossa  Direção caprichou e alugou uma camioneta imponente, capaz de fazer inveja a qualquer clube da linha da frente.  

Bastaram apenas 30 minutos de viagem, nem a distância da maratona estava percorrida, e sentia-se no ar o lamento dos que já pediam sustento, famintos pelo esforço dispendido de alguns a acomodar os pertences na mala da camioneta, de outros a verem como é, parámos logo de seguida para tomar café.
Com um grupo composto por elementos com idades de poucos meses até à era da reforma, a rainha da festa foi a petiz do Abílio, que de colo em colo, a pequena Joana matou as saudades às nossas patroas, longíquas tarefas em que já foram boas, mas há muito destreinadas  deste contentamento, não quiseram perder o momento.

Em sobrecarga de trabalho, o departamento clínico do NAT tem mais pernetas no ativo que qualquer cube de petanca. O Sousa, o João, o Afonso e o Fontão,  diminuídos pelas lesões que os apoquentam e os fazem sofrer, pois não fazem sossegados o que mais gostam, correr. Mais lesionados que o NAT só no Bayern do Pepe Guardiola, que viu o Porto marcar enquanto os seus trocavam a bola.

O percurso da prova entre Cascais e Lisboa é fabuloso. A paisagem é linda. Porém, só após consumidos os pastéis de Belém, os semblantes carregados que alguns exibiam azulou, e deu para apreciar a manhã radiosa prometida e concretizada, que ajudou a engolir uns finos de golada.

Com 4 pódios regressámos a casa, sem antes passarmos no leitão da Bairrada.

A foto da família
Qual seria a piada...
O atleta mais forte do NAT... mas não é a correr....
Um ritmo de corrida  devastador.... 
A Margarida fica em casa, depois é isto...
O Fontão a prever mais uma catástrofe...
As nossas mulheres são as maiores...
A raínha da festa...

MAIS FOTOS

CLASSIFICAÇÃO 20 KM

CLASSIFICAÇÃO ESTAFETA